DB quase scooter

Local ideal para diário de bordo das bicicletas com motor auxiliar eléctrico



Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

DB quase scooter

Mensagem por dandantas » sexta fev 03, 2017 1:45 pm

viva,
a criaçao deste DB trata-se de ficar relatado toda a vida do veiculo =)
já a alguns meses que ando a namorar o assunto das energia renovaveis.
objetivo investir a volta dos 700€!
num primeiro ponto pensei em autoconsumo, 500w + contador de rodinha = um retorno interessante ! problema tenho desconto na eletricidade, o que faz que o perido de retorno convencional para mim se multiplique por 6x (tenho desconto no preço por ser trabalhador edp, apenas explico para perceberem, espero que compreendam)

segundo ponto um veiculo eletrico
porque uma quase scooter:
1) mais encorpada que uma bike, logo mais dificil de roubar...penso eu... e nao tam apelativa aos amigos do aleio
2) nao tem seguro obrigatorio, nem registo vs uma scooter
3) de manha e a tarde vou para o transporte coletivo para o trabalho, isto sao 5km para cada lado
4) ja cheguei a pensar que chegará para ir ao trabalho 25km, carga e volta a casa, algumas vezes
5) o hardtop é um must have... caixa extra atras do banco

agora a decisao:
1) nova - vortex sbr custa 900€, coisa boa a meu ver, pena as baterias chumbo gel 20Ah , o dia todo sem carregar após andar um bocado..humm
poderia importa-la, será que compensa... montar é sem stress
2) nova do supermercado custa ~600€ , raro encontrar a venda e depois assistencia como é...
3) usada, bateria em fim de vida ~400€ mais 400€ para baterias novas, logo nao possivel usar no momento, alem de ser dificil encontrar na minha zona, Braga, e fora nao tenho gancho de reboque, pois o reboque aparece
pex:
http://www.custojusto.pt/viana-do-caste ... a-21325434

ou semi nova, sem saber a condição
https://www.olx.pt/anuncio/bicicleta-el ... d76ee0b386


alguma dica, aceitam-se conselhos sff
Última edição por dandantas em quinta mar 02, 2017 3:55 pm, editado 1 vez no total.
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017



fsman
Membro
Membro
Mensagens: 11
Registado: quarta abr 01, 2009 4:48 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por fsman » sábado fev 04, 2017 7:27 pm

Adquiri uma bicicleta usada (no O L X) Quadro Altis + Shimano + motor Bafang (8Fun) 250 W + bateria Samsung 10 Ah 36 v.
Por 300 euritos, estou satisfeito.
Se comprar novo será bateria de 48 v Panasonic ou Samsung e um motor com mais músculo (120 Nm) www.BikeeBike.com ou Crystalyte ...
No que respeita a segurança . . . a bateria, o BMS e o ESC são amovíveis.

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 729
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por rnlcarlov » domingo fev 05, 2017 6:31 pm

Eu tenho a antecessora da Vortex sbr, que é a Vortex RS. Nunca fiz um test drive na nova, mas se for como a antiga, é uns bons níveis acima de qualquer scooter de supermercado, tanto a nível de vencer subidas como em quase tudo o resto. Não creio que importar seja alternativa para esse tipo de veículos, que são produzidos na china, mas depois ainda têm algumas coisas feitas por cá, sendo mais fiáveis que algo que seja puramente chinês.
As baterias de chumbo são efectivamente de duração mais reduzida, mas no meu caso ainda serviram para quase 2 anos de utilização. Ao fim desse tempo fiz a alteração para lítio. A vantagem das vortex é realmente a assistência, pois existem vários agentes espalhados pelo país. Em caso de algum acidente (como um carro que bateu na minha mota estacionada), foi uma mais valia não ter uma loja muito longe para mandar vir as peças e fazer o arranjo.

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » sábado fev 18, 2017 1:11 pm

viva,
vamos lá acrescentar uma entrada importante a este DB
COMPREI A VORTEX ONE 20Ah
vermelhita, 60V
logo ou segunda já vem morar cá para casa.

agora primeiros cuidados pensados:
a) carga completa +-12h
b) andar 3km
c) medir baterias individualmente e balenciar cada uma


outra situação, pois há varias opinioes e a experiencia de utilizaçao contará
h1) andar os kilometros diarios 10km e carregar
h2) andar até a bateria estar proximo do minimo e carregar (3 em 3 dias +-)??

obrigado
depois coloco fotos
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

MVS
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 514
Registado: domingo jul 13, 2008 7:01 pm
Localização: Porto
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por MVS » sábado fev 18, 2017 8:34 pm

Fazer um primeiro balanceamento às baterias é fundamental. Cuidado com o carregador de 12V que usas. As unidades antigas pesadas de transformador para bateria automóvel são totalmente desaconselhadas para baterias seladas ácidas (tensão de carga mais baixa). Aquelas unidades leves do Lidl usadas para manutenção de baterias ou equivalente são o equipamento ideal.

Imagem

Deves carregar diariamente à noite (período mais fresco).

Deves deixar o carregador chegar ao modo do LED verde e permanecer lá pelo menos duas horas antes de desligares o carregador.
Imagem

Avatar do Utilizador

Emanuel Couto
Moderador
Moderador
Mensagens: 5616
Registado: domingo jul 22, 2012 7:54 pm
Localização: Açores
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por Emanuel Couto » sábado fev 18, 2017 10:37 pm

Meus parabéns :)

Muitos km's com a "menina".
Imagem

Sistema Para Autoconsumo Off-Gride com (2185wp) http://www.novaenergia.net/forum/viewto ... 11&t=16450

Adoro Fotografia... http://olhares.sapo.pt/ecc/

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » segunda fev 20, 2017 10:23 am

MVS Escreveu:
sábado fev 18, 2017 8:34 pm
Fazer um primeiro balanceamento às baterias é fundamental. Cuidado com o carregador de 12V que usas. As unidades antigas pesadas de transformador para bateria automóvel são totalmente desaconselhadas para baterias seladas ácidas (tensão de carga mais baixa). Aquelas unidades leves do Lidl usadas para manutenção de baterias ou equivalente são o equipamento ideal.

Deves carregar diariamente à noite (período mais fresco).

Deves deixar o carregador chegar ao modo do LED verde e permanecer lá pelo menos duas horas antes de desligares o carregador.
@ MVS, obrigado pelas dicas.
Sim já tinha lembrado desse caregador do lidl, vou ver se o apanho, pois parece-me o mais ideal para balenceamento.
já agora qual o modo? 2 ou 3? pois nao me parece que dê para defenir a corrente maxima de 2.7A das baterias, o modo 2 parece-me ser o mais adquado pois (14,4V/0,8A) a tensao de carga é a mais proxima do ideal das baterias 14.2V, já o outro modo 3(14,7V/3,8A) parece-me uma corrente elevada para o maximo de 2.7A permitidos para a bateria.

outra coisa,
Carregamento nos postos, fichas para adaptar, ou carregamento em CC?
abraço
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 729
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por rnlcarlov » segunda fev 20, 2017 1:37 pm

Para carregares nos postos mobie é necessário pelo menos um adaptador ficha doméstica (Schuko) para CEE 3 pinos azul (como as das caravanas). Num aki arranjas um adaptador desses com facilidade por meia dúzia de patacos.
Para carregar nas fichas mennekes (para o caso de o posto não ter CEE), é necessário um adaptador Schuko-Mennekes, que é um bocado mais caro (90€). Eu mandei vir da própria Vortex, mas também há outras pessoas que o fazem.

Avatar do Utilizador

Jorge Rocha
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 3150
Registado: domingo jul 31, 2011 7:55 pm
Localização: Aveiro
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por Jorge Rocha » terça fev 21, 2017 1:29 am

Sei que poderá ofender muitas das boas intenções que se podem obter de ajuda para a conservação das baterias de chumbo Gel, mas na minha opinião poderá ser um pouco diferente...

Deveria nos primeiros 30 carregamentos, tentar andar de forma mais lenta que no máximo (tipo 25Km/h), evitando fortes inclinações, e fazer sempre descargas profundas. (não se assustem com a palavra, pois não quero dizer levar as baterias a 0V, pois o controlador faz a protecção por corte aos 54V, deixando assim uma margem segura para protecção, pelo menos enquanto as baterias são novas)

Na primeira fase de vida das baterias de chumbo Gel, existe um crescimento de capacidade, e para que esse crescimento não fique atrofiado, deverá ser feitas as descargas até que o velocípede já só ande a 15Km/h no seu máximo de velocidade, e de seguida fazer o respectivo carregamento completo, deixando ainda umas horas depois de a luz verde do carregador acender (pois a partir daí o carregamento continua, mas de forma ainda mais lenta, onde favorece algum balanceamento por transpiração, se não existir equilíbrio entre elas, e onde as carrega na totalidade).

As baterias quando novas têm a capacidade e os comportamentos muito semelhantes, e sendo feita uma boa rodagem, irá enfortalece-las ainda mais, mantendo o bom funcionamento por muito mais ciclos.

Depois desses 30 ciclos completos, já se poderá fazer carregamentos a torto e a direito, desde que não se exagere, já que a fase final do carregamento (a que permite o balanceamento por transpiração) também provoca o aceleramento da sua degradação.

Será também ideal não fazer sistematicamente os mesmos ciclos quando parciais (utilizando diariamente os mesmos percursos e gastando pouca percentagem das baterias), pois isso habituará as mesmas a despender apenas essa capacidade, e num dia em que seja necessário mais, algum dos elementos em série poderá estar já adormecido e não corresponder, levando-o à sua morte.

Dada a experiência em mais de uma centena de utilizadores, onde eles, seguindo estas indicações têm visto suas baterias a durar muito mais do que outras anteriores, assim repasso esta informação, e que ela possa fazer render por muito mais tempo estes recursos utilizados. Alguns destes utilizadores já vão para a 4ª geração de veículos por eles adquiridos, onde sempre tiveram deste tipo de baterias, e onde já puderam experimentar um pouco de todos os métodos.

Resta-me desejar boa sorte e muitos km realizados.

P. S.- O calcanhar de Aquiles destes veículos quando à sua manutenção, é os fios do motor.
(por eles pode-se obter graves problemas:
se a corrente sair e raspar neles, retirando seu isolamento;
se passar por uma possa profunda de água onde o eixo do motor fique debaixo de água, o mais certo é que entre, pois o motor poderá estar quente e com o choque da água irá arrefecer e formar vácuo, sugando a água pelos rolamentos ou pelo cabo da corrente electrica;
se o eixo se desapertar e pela força do motor, girar e cortar os fios condutores que o alimentam e o seguem;
se ao substituir o pneu não se tiver o devido cuidado para não trilhar os fios condutores;
...
Tudo por um mundo mais limpo!

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » terça fev 21, 2017 10:09 am

@rncarlov
obrigado pela dica da ficha CEE, nao tinha ideia dessa situaçao nos postos, a mennekes é para esquecer (pelo menos para já)
neste momento estou a avaliar se mudo a schukko do carregador para uma CEE, e uso o adpatador ao contrario...a ver... depende de um mod pensado

@Jorge Rocha
primeiro obrigado, obrigado pela partilha de informaçao neste DB (que existe por esse forum e noutros, por si escrito)
segundo obrigado pelo seu esforço no panomara eletrico - fiquei a conhecer o projecto JRLab e posterior (ps há que melhorar a pagina e-mob)
terceiro - sobre os conselhos, efetivamente ando sempre até aos 25kmh (limitado switch) pois estou a aprender a andar de mota (pois....), eu por norma irei fazer 10km dia (sei que não é bom rotina, mas no minimo 10km, depois ir ao pao e etc acaba por dar mais) para fazer descarga profunda (15kmh vel maxima) irei ter de carregar de 3 em 3 dias...
quanto ao isolamento obrigado pela dica, irei cuidar, como ja comecei(ver em baixo)


agora expriencia da bixa

ontem foi dia de ir buscar a menina- ate que enfim...
o stand normalmente nao vende com os pedais montados (blablabla) - ja vao perceber
entre conversas, la fui partilhando alguma informaçao aprendida aqui no forum, (problema do pedalec activar acelador, regeneraçao etc...) o homem estava maravilhado..
meti tambem veneno para que percebe-se a concorrencia, pois encontrei Vortex One com litio a venda (amigo JR hehhe) e que tenta-se melhorar a oferta, cidade de Braga ja se ve meia duzia de quase-scooters e outras tantas e-scooters... merecia mais

agora vamos embora... todo empolgado, em 28 anos posso contar pela mao as vezes que conduzi mota, valeu a experiencia de bicicleta
decidi nao usar as estradas principais, logo tive de realizar uma subida e pensei que ia ficar a meio...começou nos 25kmh e veio ate aos 8kmh, e eu SEM PEDAIS... mas devegarinho la venceu (JR sei que nao devia...tenho de evitar)

agora liçao de vida...andar de mota com 14ºC a noite sem equipamento, mesmo a 25kmh dá um frio do caraças, entrava pelas mangas, pela gola, pelas pernas..todo eu era frio...e nas descidas a 40kmh entao nem se fala... nota mental-NECESSITO algum EQUIPAMENTO

nas mesmas descidas tentei perceber a regeneraçao com pequenas travagens..nada...tentei a regeneraçao com o cruse control ...nada...mas o cruse control funciona fixe em reta, muito util

chegar a casa, chamar a maria a janela para ver a aquisiçao, ir ao fundo da rua brincar..
a brincadeira era ver a bixa sem limitador, retinha plana e bum 37kmh...muito bom
e primeiro susto, ora esta ONE tem ODOmetro, ligo a scooter, e quando vou a ver os km está a 00's..puxa vida la vou ter de comprar um ODO, pensei
afinal só aparece ao ligar e depois passa a modo parcial (tenho de observar se o tempo tambem só tem parcial)

jantar

agora miminhos a menina
1) reduzir o barulho irritante dos piscas... abrir a frente e procurar o buzer, retiro e testo piscas...nao funciona - soluçao a la eng - fitacola- fitacola em volta da unidade para abafar o som (pensei em retirar e shuntar os dois pinos, mas nao sei se...) tambem da jeito algum barulho para eu seber que esta ON, e para o povo nas passadeiras junto das esquinas
2) isolar isolar isolar fichas, aquelas fichas detras da otica, tem uma capa, mas nada de especial - fitacola com fartura a isolar tudinho, isolar ligaçoes, isolar capa da luz frontal
3) perceber as ligaçoes - quadrante tem 5 fios (Vcc Gnd piscaR piscaL lighMaxOn) - fiquei curioso em saber como identifica a Velocidade, os kilometros e o estado bateria(voltagem alimentaçao?) - acelerador inibidor e cruise vao juntos pro controlador,contacto travao shunta das duas manetes etc
4) identificar o controlador e mods - vamos la ver o bichinho e as suas fichas - objetivo
a) Desligar a aceleraçao com pedalec - feito - abrir a ficha que vem do sensor e isolar
b) ligar travagem regeneraçao (ou avaliar porque nao funcionava), liga-se a ficha azul entre si (vi algures no forum) e bora testar
acelaraçao em cima do descanço central, 25kmh, largo acelerador e hub perde velocidade por inercia
acelaraçao em cima do descanço central, 25kmh, travao da frente e hub trava - o travao da frente activa a regeneraçao porque esta shuntado com o travao de tras.

5) avaliaçao das lampadas para trocar por led (menos potencia, menos consumo) piscas=nao juntifica, frente tipo BA20D = vamos ao ebay procurar, traseira=logo a noite vejo o tipo

opiniao do que vi:
plasticos- bons..é ABS, poderia ter melhor encaixe de medidas
quadro e ferragens - ferro puro, penso que irá dar problemas no futuro, especialmente os parafusos de fixação que já apresentao a qualidade dos machos de rosca xinos
cablagens eletrica - existe algum cuidado de isolamento, necessita melhoramento, boas secçoes de condutores

PONTOS BONS : tem um conversor 60v para 12v - iluminaçao, e tem porta Usb debaixo do banco para carregamento
PONTOS MAUS : espaço debaixo do banco é muito pequeno (percebo que a scooter é pequena) mas nem um capacete de tijela la cabe =( vou ter de investir na topcase, ficando este espaço para o carregador e a sua Mod (meter uma ficha para ligar 230v direto como nos monitores pc) desta forma ando sempre com o carregador.


a continuar.... logo a noite/amanha

sim depois meto fotos
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 729
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por rnlcarlov » terça fev 21, 2017 12:05 pm

dandantas Escreveu:
terça fev 21, 2017 10:09 am

agora vamos embora... todo empolgado, em 28 anos posso contar pela mao as vezes que conduzi mota, valeu a experiencia de bicicleta
decidi nao usar as estradas principais, logo tive de realizar uma subida e pensei que ia ficar a meio...começou nos 25kmh e veio ate aos 8kmh, e eu SEM PEDAIS... mas devegarinho la venceu (JR sei que nao devia...tenho de evitar)
Que raio de subida foi essa? Acho que nunca vi a minha subir tão devagar tenho habitualmente subidas >10%

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » terça fev 21, 2017 12:09 pm

rnlcarlov Escreveu:
terça fev 21, 2017 12:05 pm
dandantas Escreveu:
terça fev 21, 2017 10:09 am

agora vamos embora... todo empolgado, em 28 anos posso contar pela mao as vezes que conduzi mota, valeu a experiencia de bicicleta
decidi nao usar as estradas principais, logo tive de realizar uma subida e pensei que ia ficar a meio...começou nos 25kmh e veio ate aos 8kmh, e eu SEM PEDAIS... mas devegarinho la venceu (JR sei que nao devia...tenho de evitar)
Que raio de subida foi essa? Acho que nunca vi a minha subir tão devagar tenho habitualmente subidas >10%
Neste exato ponto! mas tambem poderia ser medo hehe 76kg em cima

https://www.google.pt/maps/@41.5342709, ... 312!8i6656
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 729
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por rnlcarlov » terça fev 21, 2017 2:25 pm

Realmente é uma subida puxada. Usando a minha régua e tirando medidas às "riscas" da fachada de um dos prédios, deu-me qualquer coisa como 17% ou 18% de inclinação. Ou seja, mais ou menos a Calçada do Poço dos Mouros aqui em Lisboa, que já subi. Não me lembro bem da velocidade no final mas acredito que ia bastante devagar. Um dia destes tenho de experimentar a ver como dá.

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » quarta fev 22, 2017 11:02 am

ontem foi dia de uma pequena voltinha
agora totaliza 30km
por momentos disse mal do vendedor, pois lembrei-me pedalar e nao andava, mesmo com a scooter parada. fui ver tinha saltado a corrente =(

outra duvida:
depois de activar a travagem regenerativa, é outra coisa mesmo, um toque no travao da frente (tem mais folga para activar o contacto) e já esta a abrandar.
com a travagem regenerativa activa nao deveria, em descida, ligando o cruise control por exemplo a 10kmh, manter essa velocidade? é que ela aumenta na mesma...estará alguma ficha do controlador por ligar?
ando a ver se encontro o manual do controlador, para perceber de que são tantas fichas.
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 729
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por rnlcarlov » quarta fev 22, 2017 12:12 pm

Na minha vortex RS a travagem regenerativa só se aplica quando aperto a manete do travão. Nunca ativa quando uso o cruise control. Imagino que na sua também não.

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » quarta fev 22, 2017 12:26 pm

utilizar o electricbikerange

Acho que deve ser uma ferramenta importante, mas ha aqui algumas coisas que me confundem,
vejamos de as configuraçoes sao as correctas para a VORTEX ONE 250W 60V 20Ah SLA

1)primeiro trajacto, ponto por ponto, para ser o desejado
Imagem

2) depois dados da scooter, condutor e bateria
tenho ideia que li algures que pesa 65kg, o motor 250w @35kmh
considerei que eu daria aos pedais o equivalente a 5w
a bateria é de 20Ah, mas vamos dar alguma tolerancia
Imagem

3) será que vou conseguir?

Imagem

5) alterei alguns dados
Imagem

4) a causa de querer a regenerativa a funcionar, e idealmente o cruise em descida pois ha ali uma zona de muita descida
Imagem



vou ficar a pé ou nao? seria interessante conseguir ir ao trabalho nela

para voltar, outro trajecto, sem a grande subida
Imagem
Imagem
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

MVS
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 514
Registado: domingo jul 13, 2008 7:01 pm
Localização: Porto
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por MVS » quarta fev 22, 2017 2:29 pm

O motor penso que é de 750W.
Só o pack de baterias do veículo pesa 35Kg. Os 65Kg totais parecem-me pouco, coloca mais 5Kg como margem de segurança.
Nesse terreno deverás contar sempre com um consumo de mais de 600W médio para os 140Kg totais.
Elimina a pedalada do biker por completo. A posição dos pedais não te permite fazer qualquer diferença.
A aerodinâmica e o vehicle model escolhidos estão muito ao lado.
Coloca algum vento na simulação.
Nunca apontes para o "best-case scenario" porque não é uma hipótese realista.
Imagem

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 729
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por rnlcarlov » quinta fev 23, 2017 1:51 pm

Esses 300m de desnível são valentes, mas a distância não é muito má, e a altitude de partida e chegada são semelhantes.

Quando tinha baterias de chumbo 12Ah 60V na minha Vortex RS, fiz 23km até ao limite tendo o destino 150m acima da partida. Para além disso a minha mota veio sem limitador e vim grande parte a bombar entre os 30-35km. Com uma bateria de 20Ah numa mota limitada a 25km/h parece-me relativamente seguro de fazer, mas não há nada como experimentar.

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
dandantas
Membro
Membro
Mensagens: 20
Registado: domingo jan 29, 2017 3:16 pm
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por dandantas » segunda abr 03, 2017 12:07 pm

actualizaçao 03 Abril 2017

a maquina conta com 190km, a chuva e o estar fora de casa fez com que a utilização tenha sido menor

updates:
-chegou hoje a lampada led do ebay para a frente
- fui ao amigo JR comprar uma topcase coocase 30L para a mota, amigo muito prestavel e atencioso, desejo.lhe desde ja a melhor sorte na resoluçao do seu problema recente.
- no lidl apareceram uma luvas jeitosas 16€ serve para minimizar um problema de frio


aprendizagens
- a chuva é má para o condutor! para o proximo inverno tenho de ver uma capa e capacete com viseira
- o frio é duro, mesmo a 14ºC a noite o frio corta, ja vieram as luvas...

problemas:
- o sistema de corrente para a pedaleira não é o melhor pensado
- devido a montagem do ponto fixo(pedaleira) no quadro e o ponto movel (roda) ter o eixo de suspensao entre si e que o angulo de amortecimento seja de diminuiçao para o arco da corrente, faz com que a corrente salte fora (quando comprime a suspensao, a distancia entre a roda e a pedaleira dimuiu um ponto) ideal seria ter um tensor tipo mudanças traseira bicicleta - "a pensar"
- de forma a nao andar com a corrente solta em cima do eixo da roda ( e cabo motor) a mesma foi colocada no braço da roda, assim se for necessaria é só voltar a colocar, veremos com o andamento se não será para retirar...
- a roda livre da roda/corrente apresenta ser de má qualidade, deixando de ficar solta muitas vezes e colocando a pedaleira em rotaçao (felizmente tenho o pedalec desativado) e junto com o movimento da suspensao era sempre a saltar fora!
- ajuste da suspensao traseira, por defeito a suspensao traseira vem com as molas distendidas (distancia maxima entre topos) isto torna a suspençao mais mole, foi ajustado para meio curso, a ver como se comporta (tentando mitigar o problema da corrente)



depois coloco fotos
VORTEX ONE 60V 20Ah SLA 02/2017
Czero 06/2017

Avatar do Utilizador

Jorge Rocha
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 3150
Registado: domingo jul 31, 2011 7:55 pm
Localização: Aveiro
Estado: Desligado

Re: DB quase scooter

Mensagem por Jorge Rocha » terça abr 04, 2017 12:42 am

Olá, mas que bela descrição, e óptima sensibilidade para a visualização dos mais variados contextos, parte eléctrica e mecânica. Obrigado também por transmitir a minha falha com a falta de informação ou pouca decoração da página no face. É com as críticas que evoluímos. Podia estar bem melhor, mas a minha falta de tempo...

Se o veículo tem base para colocar os pés, até poderia retirar os pedais, embora eu até ache que os mesmos podem dar algum jeito (com umas pequenas modificações) para servirem de estribos.

Em alguns casos já constatei que o cruise control uma vez activo, impede ligeiramente que a velocidade suba numa descida. Mas a mesma não poderá ser muito acentuada, e a sua percentagem da bateria terá que já estar bastante baixa. Quando alta, a tensão eleva-se demasiado, desactivado a regeneração, para não danificar as baterias.
Tudo por um mundo mais limpo!

Responder

Voltar para “e-bike”